Notícias

Estabilidade no Legislativo

A administração pública sempre foi problema para os gestores, especialmente quando vive-se o estado de direito, a Democracia.  Isso porque a gestão torna-se tripartite, não permitindo que vaidades individuais sobressaiam e, mais, que o andamento administrativo busque produzir aquilo que a sociedade almeja. A harmonia entre o Legislativo e o Executivo torna-se imperiosa, especialmente marcando a independência dos poderes no sentido de não permitir promiscuidade entre eles, situação que poderá trazer sério prejuízo para a municipalidade. Cada um no seu quadrado mas, com foco no bem estar da coletividade. É o que se busca.

O município de Planaltina  tem histórico de prejuízos imensuráveis impostos por questões políticas, onde o Executivo desassociou- -se  do Legislativo levando a municipalidade a um longo período de estagnação. Isso, no período de mudança para a nova sede municipal no início da década de 1960 e agora, mais recentemente, tivemos período de profundas divergências que culminaram  com as presenças de, nada menos do que cinco prefeitos passando pela cadeira do chefe municipal..  Os Legislativos, nestes casos, nem todos mas alguns chefes do poder contribuíram para a instabilidade, outros mantiveram uma coerência tal que sustentaram o município de pé.

SALVADOR DE PAULA NA PRESIDÊNCIA

Ao Vereador Salvador Pereira de Paula,  planaltinense nativo, filho de filhos do município  e cujo pai (Torcato Pereira de Paula) já militava na política e fora vereador muito combativo, coube importante papel na pacificação das forças políticas que se digladiavam no município no período compreendido entre 2009 e 2019. Exatos dez anos em que, raramente, o Executivo e o Legislativo estiveram juntos e que o Judiciário, acionado ora pelo Legislativo, ora por outras forças políticas com o apoio de todo ou de parte do Legislativo requeria ao Judiciário que agia retirando o prefeito da cadeira e empossando outro. Foi neste turbulento ambiente, no governo transitório de Eles Reis de Freitas que o vereador, hoje Presidente da Câmara emergiu. Quando, justamente,  o Legislativo tornara-se, erroneamente, adversário  sem diálogo para com o Executivo que o vereador Salvador de Paula prestou-se a mostrar equilíbrio sem subserviência do governo já cassado, retornando-o ao posto já no final de seu mandato.

Salvador Pereira de Paula, o filho de Torcato se prestou a equilibrar as forças do Legislativo com o Executivo no momento em que este estava fragilizado frente as questões políticas da municipalidade.

Daí, devido a valorização do Legislativo, a manutenção, sem resistência, de Salvador por três mandatos consecutivos de Presidente da Câmara planaltinense, ou seja:  três anos colaborando para harmonizar as relações entre Legislativo, Executivo e Judiciário permitindo, sem vaidades,  amplo debate no âmbito municipal, oferecendo espaço, solidariedade e opção para  as discussões necessárias no universo político social planaltinense.

Salvador está, neste final de 2022 deixando o Legislativo planaltinense independente e. pacificado, com o município politicamente preparado para as mudanças que a política nacional exigirá a partir de 2023.

Facebook
WhatsApp

Cadastre-se em nossa Newsletter!

Receba as últimas novidades sobre as ações da Câmara.

Praça Jurandir Camilo Boaventura, S/N –

Centro, Planaltina – GO

CEP: 73750-005

Atividade Legislativa

Atendimento SIC Físico

Copyright © 2022. Todos os direitos reservados

Telefones úteis

Lista telefones da Câmara

Câmara Municipal

(61) 3637-4450

Prefeitura Municipal de Planaltina

 (61) 3043-1270 
Ir para o conteúdo